Torneio 25 de Abril

 

Nos passados dias 25 e 26 de Abril a UNAM participou na nona edição do Torneio 25 de Abril, no Pavilhão Municipal do Corim, Maia, sendo uma das poucas Associações da “metade inferior” do mapa de Portugal a marcar presença.

A comitiva foi composta por: Jaime Reis (Treinador), Tiago Gonçalves (Kata Senior M), André Moreira (Kumite Juniores -65kg M), Miguel Santos (Kata Juvenis M. Shoto), Ruven Ferreira (Kata Iniciados M. Shoto) e Tiago Gonçalves (Kata Infantis M. Shoto). Participaram ainda em representação da Selecção Regional Centro Sul os atletas da UNAM; Ana Monteiro (Kumite Cadetes F+54Kg), Bruno figueiredo e Patrick Ferreira (Kumite Cadetes M -63Kg).

web111

O melhor resultado foi alcançado por Miguel Santos ao sagrar-se Vice Campeão na prova de Kata Juvenil no estilo Shotokan. Outros bons resultados foram conquistados por:

  •  Bruno Figueiredo – 4º (Perde na final de poule contra o campeão da prova e na final de repescagem contra o atleta espanhol.) (27 atletas)
  • Tiago Gonçalves em Kata Senior – 4º (foi a primeira prova em que este cadete participou como senior, sendo apenas travado na final de poule) (29 atletas)
  • Ana Monteiro – 5º Perdendo na final de repescagem contra a atleta da Selecção Norte. (9 atletas).
  • André Moreira – 8º Perde na Meia >Final de poule mas sem acesso à repescagem. (28 atletas)

Os restantes atletas não obtiveram classificações, mas tiveram um bom desempenho.

Embora não seja nosso costume atribuimos aqui uma nota negativa para os cada vez mais obvios “lobbys” criados que impossibilitam melhores prestações aos atletas do Zona Centro e Sul do País, e para a falta de formação (técnica e pessoal) de alguns técnicos de arbitragem. A organização conseguiu de certo modo melhorar em relação a anos anteriores, mas a dificuldade de acessos, desmontagem dos tapetes durante as finais de Kata (4 em simultaneo) e confusão e falta de visibilidade durante a entrega de medalhas no segundo dia, em contraste com a presença de reporteres, desfile do primeiro dia e prize money (exclusivos para Kumite)  leva a questionar a importancia e reconhecimento dado ao trabalho dos escalões de formação e da igualdade entre atletas de Kumite e a Kata.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s